07 setembro 2018

Uma Galinha - Clarice Lispector


Oi amores!  💜

Faz tempo que não apareço por aqui rs'. A vida está corrida, mas não esqueci de vocês.
Quero falar com vocês sobre a crônica "Uma galinha" da gloriosa Clarice Lispector.

Essa crônica nos mostra como a sociedade muitas vezes enxerga a mulher. Nos faz refletir como a mulher é tratada pela sociedade fora das paredes protetoras do lar e depois de ser mãe, fazendo da vida da galinha uma metáfora da vida da mulher na sociedade.

"Uma galinha" conta a história de uma família que escolhe uma galinha gorda para o almoço de domingo. Essa galinha, inesperadamente, foge e é perseguida pelo 'homem da casa'. Depois que é capturada, ela bota um ovo e em sua nova condição de mãe, recebe a oportunidade de viver. O tempo passa e a galinha que era a "rainha da casa" acaba virando almoço e como os anos ninguém lembra dela.

A galinha - metáfora da mulher, sai da casa para a rua "... Pouca afeita a uma luta mais selvagem pela vida, a galinha tinha que decidir por si mesma os caminhos a tomar sem o auxílio de sua raça..." a luta que a mulher enfrenta por querer ou tentar viver independente com sua liberdade "selvagem" fora das paredes protetoras do lar (sem família).
"... Não vitoriosa como seria um galo em fuga..." comparando a mulher com o homem que ao viver de forma independente é visto como "o cara".
Depois quando é capturada e colocada no chão da cozinha, bota um ovo transformando-se na "rainha da casa" assim como a mulher é vista como a rainha do lar após a maternidade. Desde pequena é incentivada à perpetuar a espécie e muitas vezes, em muitas culturas, vista apenas como uma parideira!
"... Na fuga, no descanso, quando deu à luz ou bicando milho..." não importa a maneira como a sociedade vê a mulher, o importante é como cada uma se enxerga e consegue viver sua liberdade até que a vinda finde ou seja retirada.

Fiz essa análise no primeiro semestre desse ano em uma avaliação de Língua Portuguesa. Gostei tanto do resultado que hoje resolvi mostrar para vocês.
Espero que gostem!
Beijinhos, Kim.


Nenhum comentário

Postar um comentário

© BLOG MODERNO À MODA ANTIGA- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por